Novo

Livro: O Urso Que Não Era - Frank Tsahlin

42 reales

em 9x 5 reales con 37 centavos

Envio para todo o país

Saiba os prazos de entrega e as formas de envio.

Estoque disponível

Devolução grátis

Você tem 30 dias a partir do recebimento do produto para devolvê-lo, não importa o motivo!

Garantia

Compra Garantida com o Mercado Pago

Receba o produto que está esperando ou devolvemos o seu dinheiro

Características principais

Título do livroO URSO QUE NÃO ERA
AutorFRANK TSAHLIN
IdiomaPortuguês
Editora do livroBoitatá
Edição do livro1
Tampa do livroMole
Ano de publicação2018

Outras características

  • Quantidade de páginas: 60

  • Altura: 21 cm

  • Largura: 13.5 cm

  • Peso: 0.13 kg

  • Com páginas para colorir: Não

  • Com realidade aumentada: Não

  • Gênero do livro: Infantil

  • Subgêneros do livro: Infantojuvenil

  • Tipo de narração: Literatura Infantil - infanto juvenis

  • Idade mínima recomendada: 8 anos

  • Idade máxima recomendada: 11 anos

  • ISBN: 9788575596388

Descrição

Era uma vez um urso que estava à beira de uma grande floresta, olhando fixamente para o céu. Lá bem no alto, um bando de gansos voava em direção ao Sul. O urso sabia que o inverno chegaria em breve e que ele deveria procurar uma caverna para hibernar. E foi exatamente o que ele fez. O que ele não contava era que, durante aquele inverno, uma fábrica seria construída bem em cima da caverna que ele havia escolhido. Com a chegada da primavera, o urso desperta, mas não consegue acreditar que não está mais sonhando: o capataz insiste que ele volte imediatamente ao trabalho – afinal de contas, ele não é um urso. Como provará para os patrões da fábrica (e para si mesmo) que ele é um urso? Para quem acha que não conhece o autor deste livro, basta pensar nos clássicos episódios das séries Looney Tunes e Merrie Melodies dos anos 1930 e 1940. Sim, Tashlin era uma das geniais mentes criativas por trás das aventuras de Pernalonga, Patolino e Gaguinho – o que fica evidente no traço inconfundível desse mestre da ironia e do nonsense. Escrito originalmente em 1946, O urso que não era vem encantando há décadas gerações de crianças e adultos. Considerado um clássico da comédia satírica, o livro esconde diversas camadas e possibilidades de interpretação, seja pela crítica social que faz, seja pela abordagem da construção da identidade e da alienação no trabalho.